Santo Tomás de Aquino é para todos!

Muitos podem se intimidar com a complexidade da obra teológica de Santo Tomás de Aquino.

Parece que a filosofia é assunto para especialistas e acadêmicos, e nós, católicos simples, deveríamos ficar satisfeitos com nossas orações diárias e a frequência na missa aos domingos.

No entanto, São Pedro já alertava os primeiros cristãos quanto à importância dos estudos: “Estai sempre prontos a responder para vossa defesa a todo aquele que vos pedir a razão de vossa esperança” (I Pd 3,15).

Também Deus nos indicou a necessidade da inteligência para amá-Lo plenamente: “Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todas as tuas forças e de todo o teu entendimento” (Dt 6,5).

G. K. Chesterton, ao escrever seu ensaio filosófico sobre a vida de Santo Tomás de Aquino, pensou em torná-lo acessível ao grande público. Sua ideia era transmitir o espírito que motivava a busca de Santo Tomás, este santo que é exemplo para toda alma amante de Deus, que busca seu amado através do entendimento.

Inspirados por Santo Tomás de Aquino e pelos conselhos certeiros do seu discípulo do século XX, Pe. A. D. Sertillanges, em sua “Vida Intelectual”, podemos dar início à nossa jornada em busca da sabedoria, que nos levará inevitavelmente a Deus.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

Posts relacionados

Os Mártires do Sagrado Coração

No mês de abril de 1794, sete insurrectos foram condenados à morte porque, ao serem detidos, traziam consigo estampas do Sagrado Coração. Era o suficiente